CPP

      A série ‘CPP’ se ocupa de uma metarreflexão a partir de um espaço localizado no centro da cidade de Rio Verde, Goiás, próximo à residência em que morei durante alguns anos. Trata-se do terreno onde se situava a Casa de Prisão Provisória e que, atualmente, abriga os escombros de sua demolição. O sudoeste goiano é uma microrregião bastante caracterizada pela pelos cultivos de monocultura e a pecuária extensiva. Ao mesmo tempo, uma importante rota utilizada pelas facções para o transporte e tráfico de drogas. Cidades como Rio Verde são marcadas por uma grande desigualdade social, assim como o açodamento dos índices de violência. Na série, então, investigo os vestígios e as potências simbólicas das reminiscências desse espaço disciplinar.